Logo HMC
INTRANET NOSSA PROVÍNCIA

Vocação

Hoje, a Missão Marista é compartilhada entre Irmãos, Leigos, Leigas, Colaboradores, Jovens e Voluntários Maristas. Os Maristas de Champagnat são corresponsáveis pela obra educativa evangelizadora de Champagnat e fazem isso das mais variadas formas e vocações.

A Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS) conta com a presença de mais de 90 Irmãos Maristas que todos os dias trabalham para ser presença significativa na vida de crianças, adolescentes e jovens nas Frentes de Missão, Centros Administrativos, Casas de Formação e outras áreas. Eles são fundamentais para inspirar a vivência da espiritualidade Marial e Apostólica.

Acompanhando o movimento do Instituto Marista, a PMBCS tem contribuído para o desenvolvimento do Laicato Marista. Hoje, mais de 500 Leigos e Leigas Maristas estão vinculados ao Movimento Champagnat da Família Marista (MChFM), à Grupos Laicais, ao Laicato Jovem e outros grupos, vivenciando e partilhando o Carisma Marista em diversas esferas.

Há também mais de 10 mil Colaboradores que todos os dias dão a sua contribuição para a obra educativa Marista, com dedicação e cuidado nas Frentes de Missão e mais de 15 Voluntários espalhados pelo mundo, contribuindo na missão com trabalhos humanitários e sociais.

SEJA UM IRMÃO MARISTA

ANIMAÇÃO VOCACIONAL
A Animação Vocacional é um processo contínuo na vida do Vocacionado e do Irmão Marista; desde os primeiros contatos com o Instituto Marista até o aprofundamento de sua atuação no contexto Marista. Trata-se do acompanhamento do projeto de vida do sujeito.

ETAPAS DA FORMAÇÃO

Em geral, o Irmão Marista realiza uma preparação de aproximadamente sete anos, recebendo formação humana, cristã, filosófica e teológica, além da prática pastoral. Confira abaixo as etapas que os vocacionados devem seguir:

NOSSOS IRMÃOS

Ir. Adilson Janovski
Ir. Adilson Suhr
Ir. Afonso Levis
Ir. João do Prado
Ir. Alberto Girardi
Ir. Albino Tecilla
Ir. Alfredo Moreti
Ir. Alison Humberto Furlan
Ir. Aloisio Kuhn
Ir. Anacleto Peruzzo
Ir. Antônio Martins Teles
Ir. Antônio Nicolau Esmanhotto
Ir. Antônio Quintiliano da Silva
Ir. Arsênio Slivinski (Ir. Celedônio Cruz)
Ir. Avelino Spada
Ir. Benê Antônio Benedito de Oliveira
Ir. Carlos Wielganczuk
Ir. Cezar Cavanus
Ir. Claudio Girardi
Ir. Clemente Ivo Juliatto
Ir. Darci Luiz Kroth
Ir. Dario Bortolini
Ir. Darlan Santorum
Ir. Davide Pedri
Ir. Délcio Afonso Balestrin
Ir. Edevaldo Francisco Griza
Ir. Edicarlos Pereira Coelho
Ir. Edmundo Inacio Pina
Ir. Elias da Costa
Ir. Estevão Müller
Ir. Everaldo Francisco da Silva
Ir. Evilázio Tambosi
Ir. Francisco Fontana
Ir. Frederico Unterberger
Ir. Gilmar Aricini
Ir. Helio Kollet
Ir. Hermes Balena
Ir. Hilario Andrioli
Ir. Hildo Jose Ariotti
Ir. Hugo Depiné
Ir. Ilario Caresia
Ir. Ilario Wecker
Ir. Ivo Antonio Strobino
Ir. Jeferson Hugen
Ir. João Batista Pereira
Ir. João Carlos do Prado
Ir. Joaquim Sperandio
Ir. Jorge Gaio
Ir. José Aderlan Brandão Nascimento
Ir. Jose Cegalla
Ir. José Luís Grande Galindo
Ir. Lauro Darós
Ir. Lauro Pazeto
Ir. Leandro Cimadon
Ir. Leomar D’Avila
Ir. Lino Alfonso Jungbluth
Ir. Lino Pedrotti
Ir. Lucas José Ramos Lopes
Ir. Luiz Adriano Ribeiro
Ir. Luiz Carlos Siena
Ir. Marcondes Bachmann
Ir. Miguel Fernandes Ribeiro
Ir. Murilo Bertoldi
Ir. Nerí Depaoli
Ir. Nilso Antonio Ronchi
Ir. Otalivio Sarturi
Ir. Paulino Ignacio Jacob
Ir. Paulo Antonio Forster Ramos
Ir. Pedrinho Tambosi
Ir. Pedro Aurélio Hinkelmann
Ir. Pedro Danilo Trainotti
Ir. Pedro João Wolter
Ir. Rafael Fagner Ferreira
Ir. Rafael Mendes dos Santos
Ir. Reni Voss
Ir. Rogério Polimeni
Ir. Rogério Renato Mateucci
Ir. Ronaldo Luzzi
Ir. Ronivom Luiz da Silva
Ir. Roque Brugnara
Ir. Sadi Cella
Ir. Tercílio Sevegnani
Ir. Tiago Reus Barbosa Fedel
Ir. Valdir Gugiel
Ir. Valério Dellalibera
Ir. Vanderlei Siqueira dos Santos
Ir. Virgilio Josué Balestro
Ir. Wilson Backes
Ir. Zeferino Zandonadi

SEJA UM LEIGO MARISTA

É possível contribuir com a Missão Marista se tornando um Leigo ou Leiga Marista. Trata-se de todo homem (exceto padres e religiosos) ou mulher que, partindo de um processo individual de discernimento, decide assumir o carisma Marista na sua vida e se sente corresponsável pela Missão herdada por Champagnat. O Leigo ou Leiga Marista também vivencia e contribui para resgatar e cultivar o patrimônio espiritual Marista em diversos contextos. O XXI Capítulo Geral propôs uma nova relação entre Irmãos, Leigos e Leigas, baseada na comunhão, buscando juntos maior vitalidade do carisma Marista para o mundo. Instituiu-se que os Maristas de Champagnat caminhassem juntos como Família Carismática Global para dar seguimento à Missão Marista. Alguns Leigos e Leigas são reconhecidos pelo Instituto Marista e mantém certos vínculos de pertença. São os Afiliados ao Instituto e os Fraternos do Movimento Champagnat da Família Marista. Há também os Leigos que se reúnem em Grupos Laicais e os jovens Maristas, ex- alunos de Colégios e Unidades Sociais que, ao se identificar com o carisma Marista, reúnem-se em Grupos de Laicato Jovem intitulado Carisma e Compromisso.

QUERO SER UM LEIGO MARISTA

AFILIADOS

O Instituto Marista envolve pessoas afiliadas que se participam da família religiosa Marista. O ato de afiliar-se situa-se numa relação de pertencimento à Congregação, legitimada por um diploma emitido por sua Administração Geral. A afiliação é concedida a homens e mulheres que se dedicaram, de maneira notável e prolongada, a apoiar a Missão e a vida do Instituto e que dão testemunho autêntico de vida cristã. Conheça os Afiliados provenientes da PMBCS:

Ir. Adilson Janovski
Ir. Adilson Suhr
Ir. Afonso Levis
Ir. João do Prado
Ir. Alberto Girardi
Ir. Albino Tecilla
Ir. Alfredo Moreti
Ir. Alison Humberto Furlan
Ir. Aloisio Kuhn
Ir. Anacleto Peruzzo
Ir. Antônio Martins Teles
Ir. Antônio Nicolau Esmanhotto
Ir. Antônio Quintiliano da Silva
Ir. Arsênio Slivinski (Ir. Celedônio Cruz)
Ir. Avelino Spada
Ir. Benê Antônio Benedito de Oliveira
Ir. Carlos Wielganczuk
Ir. Cezar Cavanus
Ir. Claudio Girardi
Ir. Clemente Ivo Juliatto
Ir. Darci Luiz Kroth
Ir. Dario Bortolini
Ir. Darlan Santorum
Ir. Davide Pedri
Ir. Délcio Afonso Balestrin
Ir. Edevaldo Francisco Griza
Ir. Edicarlos Pereira Coelho
Ir. Edmundo Inacio Pina
Ir. Elias da Costa
Ir. Estevão Müller
Ir. Everaldo Francisco da Silva
Ir. Evilázio Tambosi
Ir. Francisco Fontana
Ir. Frederico Unterberger
Ir. Gilmar Aricini
Ir. Helio Kollet
Ir. Hermes Balena
Ir. Hilario Andrioli
Ir. Hildo Jose Ariotti
Ir. Hugo Depiné
Ir. Ilario Caresia
Ir. Ilario Wecker
Ir. Ivo Antonio Strobino
Ir. Jeferson Hugen
Ir. João Batista Pereira
Ir. João Carlos do Prado
Ir. Joaquim Sperandio
Ir. Jorge Gaio
Ir. José Aderlan Brandão Nascimento
Ir. Jose Cegalla
Ir. José Luís Grande Galindo
Ir. Lauro Darós
Ir. Lauro Pazeto
Ir. Leandro Cimadon
Ir. Leomar D’Avila
Ir. Lino Alfonso Jungbluth
Ir. Lino Pedrotti
Ir. Lucas José Ramos Lopes
Ir. Luiz Adriano Ribeiro
Ir. Luiz Carlos Siena
Ir. Marcondes Bachmann
Ir. Miguel Fernandes Ribeiro
Ir. Murilo Bertoldi
Ir. Nerí Depaoli
Ir. Nilso Antonio Ronchi
Ir. Otalivio Sarturi
Ir. Paulino Ignacio Jacob
Ir. Paulo Antonio Forster Ramos
Ir. Pedrinho Tambosi
Ir. Pedro Aurélio Hinkelmann
Ir. Pedro Danilo Trainotti
Ir. Pedro João Wolter
Ir. Rafael Fagner Ferreira
Ir. Rafael Mendes dos Santos
Ir. Reni Voss
Ir. Rogério Polimeni
Ir. Rogério Renato Mateucci
Ir. Ronaldo Luzzi
Ir. Ronivom Luiz da Silva
Ir. Roque Brugnara
Ir. Sadi Cella
Ir. Tercílio Sevegnani
Ir. Tiago Reus Barbosa Fedel
Ir. Valdir Gugiel
Ir. Valério Dellalibera
Ir. Vanderlei Siqueira dos Santos
Ir. Virgilio Josué Balestro
Ir. Wilson Backes
Ir. Zeferino Zandonadi

MOVIMENTO CHAMPAGNAT
DA FAMÍLIA MARISTA

O Movimento Champagnat da Família Marista (MChFM) é um movimento de Leigos e Leigas reconhecido oficialmente pelo Instituto Marista, que reúne pessoas que são atraídas pela espiritualidade de Marcelino Champagnat. Neste movimento, filiados, jovens, pais de alunos, colaboradores, antigos alunos, amigos, aprofundam o espírito do fundador para dele viverem e difundi-lo.

A estrutura do MChFM consiste em reuniões mensais das Fraternidades (grupos do MCHFM) para partilhar a vida à luz do Evangelho e da espiritualidade de Champagnat. Cada grupo é autônomo, coordenado por um dos membros e assessorado por um Irmão Assessor, que representa a presença discreta e o exemplo de Champagnat. Sua dinâmica orienta-se por quatro pilares:

Oração – que une todos os membros a Deus e uns aos outros; 
Reflexão – sobre a Palavra de Deus e temas de formação Marista;
Comunidade – a exemplo dos Irmãos, testemunhando a possibilidade de uma convivência fraternal; 
Apostolado – seguir a prática da Missão Marista dentro da Fraternidade, na família, na vida profissional e na comunidade da paróquia da qual o membro do MChFM faça parte. Confira as Fraternidades do MChFM:

  • FRATERNIDADE CHAMA Ponta Grossa - PR
  • FRATERNIDADE BOA MÃE Ponta Grossa - PR
  • FRATERNIDADE FAMÍLIA DE NAZARÉ Cascavel - PR
  • FRATERNIDADE IR. MAURICIO MORETTI Itapejara D’Oeste - PR
  • FRATERNIDADE IR. MIGUEL TOUKACZ Itapejara D’Oeste - PR
  • FRATERNIDADE ADELINA CHIAPETTI Itapejara D’Oeste - PR
  • FRATERNIDADE ROSEY Maringá - PR
  • FRATERNIDADE VIVECHAMPA Londrina - PR
  • FRATERNIDADE LOREN Jaraguá do Sul - SC
  • FRATERNIDADE IPSULUM Florianópolis - SC
  • FRATERNIDADE SIT Ijuí - RS
  • FRATERNIDADE IPA Porto Alegre - RS
  • FRATERNIDADE B Passo Fundo - RS

MOVIMENTO CHAMPAGNAT
DA FAMÍLIA MARISTA

Os Grupos Laicais são compostos por pessoas que vivem o carisma Marista e decidem disseminar o jeito de ser Marista em suas relações profissionais, familiares e em outros grupos.

Enquanto o MChFM segue uma estrutura predeterminada nos encontros, os Grupos Laicais se reúnem e organizam as reuniões de maneira informal e de acordo com a disponibilidade de cada integrante. A partir da caminhada do grupo, são definidas as temáticas Maristas para reflexão e momentos formativos.

disponibilidade de cada integrante. A partir da caminhada do grupo, são definidas as temáticas Maristas para reflexão e momentos formativos.

Alguns grupos, além de se reunir para partilhar a vida e estudar as temáticas relacionadas ao Instituto, também promovem gestos concretos. Por exemplo, o grupo intitulado Perdidos na Neve, composto por colaboradores do Grupo Marista, reúne-se uma vez por mês e alterna as reuniões com visitas dominicais à Residência Marista São José, em São José dos Pinhais, para ter contato com os Irmãos Maristas idosos que residem naquela unidade.

  • LOREN IPSULUN São Paulo - SP
  • DOLOR SIT A MET Curitiba - PR
  • ANIM ID EST LABORUM Florianópolis - SC
  • CULPA QUI OFFICIA Porto Alegre - RS

PRAÇA DA VIDA MARISTA

A Província Marista Brasil Centro-Sul (PMBCS) possui um Plano Provincial do Laicato, intitulado Praça da Vida Marista. Trata- se de um mapa de itinerários possíveis para que as pessoas que se identificam com o carisma Marista possam caminhar, que prevê um lugar de encontro e acolhida no qual se celebra a tradição e se projeta o futuro de Irmãos, Leigos e Leigas, juntos na missão e no desenvolvimento do carisma Marista.

A Praça encontra-se inserida em uma realidade social, eclesial e institucional. A entrada na Praça dá-se por grupos e comunidades que se reúnem a partir do carisma Marista, tais como MChFM, Laicato Jovem e Grupos Laicais. Em toda sua extensão estão distribuídos os projetos e experiências formativas vivenciais, que podem ser acessados por todos os interessados em participar de um processo formativo rico de possibilidades e com diferentes níveis de aprofundamento e adesão. Existem na Praça os caminhos que as pessoas podem utilizar para fazer o itinerário vocacional, conforme as suas necessidades e especificidades.

VOLUNTÁRIOS PELO MUNDO

Os Maristas de Champagnat são convidados a responder com audácia às necessidades emergentes, convertendo o coração, sem medo de assumir riscos, para aproximar-se das periferias, em defesa de crianças e jovens pobres e vulneráveis. Alguns Irmãos, Leigos e Leigas Maristas tem dedicado suas vidas a esta causa, engajando-se em diversos programas e projetos ofertados pelo Instituto Marista e dinamizado por suas Províncias, Regiões ou Distritos.

VOLUNTARIADO NACIONAL E INTERNACIONAL

Tem como objetivo promover experiências de voluntariado para jovens, colaboradores (as), Irmãos, Leigos e Leigas no âmbito nacional e internacional, para o fortalecimento do compromisso solidário junto às causas humanitárias. Tem um período de atuação de no mínimo seis meses em âmbito nacional, e de um ano se internacional.

LA VALLA 200>

O programa La Valla 200> tem como objetivo formar Comunidades Internacionais de Irmãos, Leigos e Leigas de diferentes partes do mundo Marista. Juntos, num contexto intercultural, buscam ser uma significativa presença entre crianças e jovens em situação de vulnerabilidade; apresentam-se com disponibilidade global na atuação Marista e procuram viver intensamente a fraternidade, considerando a comunhão e a espiritualidade partilhada.

Para trabalhar com a Vocação dos futuros Maristas de Champagnat, a Província Marista Brasil Centro-Sul possui alguns projetos especiais que trabalham especialmente com vocação e projeto de vida.

PROGRAMA VIDA FELIZ

O programa Vida Feliz tem o objetivo de instigar a reflexão dos jovens sobre seus projetos de vida. Há mais de dez anos, é realizado em escolas públicas de todo o país, com conteúdo e metodologia inovadores, recursos didáticos modernos e ação integrada com o planejamento pedagógico dos educadores.

O Programa Vida Feliz foi estruturado para oferecer sete projetos:

Pontes – acontece junto aos alunos das escolas públicas durante duas horas-aula e traz as temáticas escolhidas por eles, com subsídios específicos;

Tenda – associado ao pátio da escola, visto como um local informal para conversar, trocar experiências e conhecer outros projetos;

Liderança Juvenil – favorece a experiência de amizade e caminho partilhado, bem como a formação de líderes para diversas frentes da sociedade;

Abraço Solidário – incentiva atividades organizadas para intervenção social na realidade local.

Conexão +:) – para os adolescentes que querem aprofundar seu projeto de vida e fazer um discernimento profissional e vocacional;

Família e Educadores – destinado a professores e pais que convivem diariamente com adolescentes;

Conexão Vocacional Marista – projeto vocacional ligado diretamente às Unidades Maristas.

CIRCUITO PROJETO DE VIDA

O Circuito Projeto de Vida (CPV) é um aplicativo on-line que tem como objetivo registrar a memória histórica da vida dos jovens e apontar caminhos para que eles consigam traçar seus projetos de vida. Na plataforma, os usuários trabalham com 16 temáticas da vida. Tais “inspirações” instigam a reflexão dos jovens sobre o afeto, a amizade, a carreira, o consumo, a família, o futuro, o protagonismo, a solidariedade e os sonhos. Em 2014, o Circuito Projeto de Vida foi vencedor da etapa nacional do Prêmio Aberje, na categoria “Relacionamento com o Consumidor”.

CONHEÇA O SITE DO PROJETO

JUVENTUDES

A juventude pode ser considerada uma fase da vida, na qual o sujeito passa por um processo de transição para a autonomia e participação mais efetiva na vida social. É um período do desenvolvimento humano na qual o sujeito se engaja na cultura na qual está inserido e também revelam culturas próprias, com diversos modos de ser, agir, pensar, sentir e se expressar.

Neste contexto, a Província Marista Brasil Centro-Sul refere a esta fase da vida como juventudes, no plural, uma vez que contempla e considera os sujeitos em sua multiplicidade. Para dedicar-se ao desenvolvimento pleno deste público, as instituições mantêm alguns programas, projetos e iniciativas. Confira os mesmos nas abas abaixo:

PASTORAL JUVENIL MARISTA – PJM

A Pastoral Juvenil Marista (PJM) é uma agremiação de jovens maristas, por livre adesão. A Província Marista Brasil Centro-Sul cria todas as diretrizes para que a Pastoral seja dinamizada nas Frentes de Missão. O objetivo da PJM consiste em estabelecer um processo de formação integral segundo o carisma marista, no qual o jovem possa desenvolver sua espiritualidade, compreender seu papel na Igreja, valorizando a autonomia, a solidariedade, o protagonismo juvenil, o serviço e a liderança na sociedade. Trata-se de uma proposta educativo-evangelizadora que almeja, por meio da escuta e participação dos jovens, capacitá-los para que eles encontrem respostas autênticas aos anseios e necessidades fundamentais da juventude. Sua ação se realiza de diferentes maneiras, segundo uma diversidade de experiências locais, provinciais, nacionais e internacionais

CONHEÇA O NOSSO ESPAÇO DEDICADO À ORAÇÃO